Peças publicitárias e marketing para todos

In: Comunicação

31 Jan 2011

O modelo de criação de peças publicitárias por meio de ferramenta de croudsourcing está disponível agora para pequenas e médias empresas brasileiras. A Zooppa, provedora global de conteúdo publicitário colaborativo gerado pelos usuários, abriu este mês as competições para este segmento. A maior parte dessas empresas não tem área ou departamento de marketing/publicidade e menos ainda agência. Muitas vezes as pequenas empresas têm um bom produto ou serviço, mas sem conceito definido, sem estratégia de marketing e até mesmo um logo. A proposta da Zooppa é que todas estas necessidades possam ser supridas por meio de competições e com um custo acessível.

Com valores inferiores aos adotados para as grandes marcas, a empresa conta com o primeiro cliente. A A5, integrador Avaya de soluções de comunicação, vai distribuir prêmios para a contratação de vídeos para sites e redes sociais, banners e peças gráficas para publicações especializadas. O objetivo é divulgar os diferenciais tecnológicos e de serviços da A5, buscar engajamento e viabilizar os atributos da marca da empresa que vai pagar US$ 2 mil em prêmios de US$ 4 mil como taxa de administração da competição pela Zooppa.

“Este custo é cerca de 20% do que seria uma campanha convencional, baseado em orçamentos já solicitados a agências. Além disso, teremos a oportunidade de realizar um brainstorming criativo e divulgar nossos serviços de uma forma inovadora e criativa”, diz Flávio Fernandes, sócio-diretor da A5 Solutions.

A competição envolverá os talentos criativos da Zooppa, que mantém uma rede social com mais de 100 mil integrantes no mundo, sendo mais de 10 mil brasileiros, entre consumidores, publicitários free lancers, webdesigners, estudantes e pequenas agências. Segundo Marcelo Ursini, sócio diretor da empresa, o marketing tradicional está passando por transformações em função das mudanças recentes do consumidor, que está deixando de ser um público alvo passivo e quer participar da cultura da marca comentando, criticando, votando e criando peças.

“A grande mudança é que o consumidor é prosumer, produz conteúdo e tem se engajado em iniciativas croundsourcing. A Zooppa está inserida no conceito de marketing 3.0 e, desta forma, inclui o consumidor desde a elaboração do briefing, criação de peças publicitárias”, afirma Ursini. Ele diz que o croundsourcing é uma evolução do outsourcing e vem a ser a terceirização para muitos, que está impactando os modelos de negócio. Os exemplos mais clássicos são o croundsorcing de conteúdo utilizado na Wikipédia, ou de tecnologia para o desenvolvimento do Linux e o Firefox e até de produtos como o Mio, o carro de criação coletiva da Fiat apresentando este ano no salão do automóvel.

As vantagens das competições da Zooppa é que elas seguem a regra do 1, 9, 90, em que 1% cria conteúdo, 9% participam desta criação e 90% assistem. Se a empresa se comunicação com o 1% dos criadores acaba acessando toda a pirâmide. O processo se dá com a publicação do briefing na rede e dos prêmios em dinheiro. Os participantes postam seus trabalhos, que podem ser eleitos pelo cliente, pela comunidade ou pela Zooppa.

Via Valor Econômico

Comentarios encerrados.

Bem-vindo à FS!

Sua empresa pode ter as mais importantes notícias do seu setor, exclusivamente, através de senha e login próprios. É um clipping específico para a sua necessidade. Periodicamente atualizados, as matérias, artigos, vídeos, informações de cada setor e categoria que você escolher tornam essa ferramenta imprescindível para tomada de decisões e criação de ações de marketing. Entre em contato e conheça nossos serviços.

Photostream

Siga-nos no Twitter